terça-feira, 5 de maio de 2015

A Dança

Eu não queria tocar em você
Mas, sou obrigado
Suas mãos são macias
Meu coração calejado.

Já não penso em você
Tanto quanto antes
Mas, não quero terminar
Antes do inverno acabar.

Não tenho medo de ficar só
Apenas não quero te magoar.
O trem saiu da estação,
Você, dormindo, nem o viu chegar.

Não percebeu que
A música já acabou
E continua a dançar.
Você dança, dança e dança
Sem perceber que todos foram embora.
As luzes estão apagadas,
Apenas você no salão.

Eu não queria deixá-la
Mas, sou obrigado
Suas mãos são macias,
Meu coração calejado.
Seu coração é tão puro,
O meu calejado.

Você me pergunta se
Não quero dançar.
Eu lhe digo:
"Amor, eu já dancei."

Nenhum comentário:

Postar um comentário