terça-feira, 14 de abril de 2015

Humanidade

Pensar
Repensar
E fazer tudo errado de novo.

Criar
Recriar
E por engano ou desengano
Dar vida ao inconcebível
Só para que nossa cria
Pegue uma faca e corte uma fatia
A mais tenra e macia
Do nosso coração.

Construir
Desconstruir
E ver se dá para se esconder
E sobreviver nos escombros.

Escrever
Reescrever
Só para ter o prazer
De ser outra pessoa
E ter uma nova chance de recomeçar.

Tentar
Sentir
Sem ressentimento
Ser humano
Apesar de tantos atentados
À nossa humanidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário